VACINA

Gestante: a importância da vacinação contra a gripe

Por que a grávida deve se vacinar contra a gripe?

Médica explica que proteção beneficia, também, o bebê, que só pode ser imunizado a partir dos 6 meses de idade
gestante
Crédito: Freepik

A gestante é grupo de risco para as complicações da infecção pelo vírus Influenza, alerta a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm). Por isso, a SBIm recomenda a dose anual da vacina, mesmo no primeiro trimestre de gestação. “Toda gestante e lactante (mulher que está amamentando) deve se vacinar contra a gripe. Elas são especialmente suscetíveis. São, inclusive, de alto risco para as formas graves da doença e morte”, afirma a médica ginecologista e obstetra Thelma de Figueiredo e Silva, diretora sociocultural da Associação Mineira de Ginecologistas e Obstetras (Sogimig). Continuar lendo “Gestante: a importância da vacinação contra a gripe”

BEM-ESTAR

Hemofilia: o que é importante saber

7 fatos que você precisa saber sobre a hemofilia

Doença hemorrágica afeta 12 mil brasileiros, de acordo com médica hematologista e professora da UFMG
hemofllia
Crédito: Freepik

A hemofilia é uma doença rara, conhecida por causar hemorragias prolongadas, e associada a uma mortalidade maior – o que não representa mais a realidade. “No primeiro mundo, a expectativa de vida dos hemofílicos está bem próxima da população em geral, graças à adoção da profilaxia e à inativação de vírus na reposição dos fatores”, afirma a médica hematologista Suely Meireles Rezende, professora associada do Departamento de Clínica Médica da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Atualmente, existem cerca de 12 mil hemofílicos no Brasil. A hematologista explica que houve um aumento na prevalência da doença entre a população brasileira devido à melhora do diagnóstico. É registrado 1 caso de hemofilia A para cada 10 mil pessoas e 0,7 casos de hemofilia B para cada 35 mil pessoas (leia abaixo sobre hemofilias A e B).

No Brasil, uma vez diagnosticado, o paciente precisa ser registrado em um centro de tratamento (existe pelo menos um em cada Estado) e ser incluído no cadastro nacional do Ministério da Saúde para receber o tratamento.

Confira 7 fatos importantes sobre a hemofilia: Continuar lendo “Hemofilia: o que é importante saber”